ABNT: o que é, como usar, principais regras de formatação - Notícias EAD - Tenha um Moodle livre

Sidebar

20
Dom, Set

ABNT: o que é, como usar, principais regras de formatação

Notícias EAD

Se você é universitário, eu aposto que as normas da ABNT já te deram dor de cabeça, não é mesmo? Para aqueles que estão no último ano do curso (alguém falou em Trabalho de Conclusão de Curso?) ou que possuem uma pesquisa científica, essas regras podem até mesmo se tornar um pesadelo.

Se você é universitário, eu aposto que as normas da ABNT já te deram dor de cabeça, não é mesmo? Para aqueles que estão no último ano do curso (alguém falou em Trabalho de Conclusão de Curso?) ou que possuem uma pesquisa científica, essas regras podem até mesmo se tornar um pesadelo.

Afinal, é obrigatório que qualquer trabalho científico siga essas normas pré-estabelecidas para garantir uma padronização internacional, para que pesquisadores, professores e alunos de qualquer país do mundo possam consultar facilmente o materiais acadêmicos publicados.

O que significa ABNT?

Fundada em 1940, a Associação Brasileira de Normas Técnica (ABNT) é uma entidade brasileira privada sem fins lucrativos que, em parceira com outros órgaões brasileiros e internacionais, estabelece quais são as normas padrões internacionalmente aceitas para a produção de trabalhos acadêmicos e científicos.

Curiosidade: "norma padrão" é um documento que indica regras e diretrizes para a produção de algum processo, produto, material ou serviço. Além da ABNT, outro exemplo de norma padrão é o ISO, que certifica padronização e qualidade.
Principais normas da ABNT para trabalhos acadêmicos
Para te ajudar a ficar por dentro das principais regras da ABNT, a Revista Quero elencou as mais comuns e que são obrigatórias na produção de uma monografia como Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). Confira:

1 - Estrutura da monografia, de acordo com as normas da ABNT
Veja o formato e a ordem correta da estrutura de uma monografia:

Capa (obrigatório)
Folha de rosto (obrigatório)
Folha de aprovação (obrigatório)
Dedicatória/agradecimento (opcional)
Epígrafe (opcional)
Resumo na língua nativa (obrigatório)
Resumo em língua estrangeira (obrigatório)
Listas - ilustrações, tabelas, abreviaturas e siglas, símbolos (opcional)
Sumário (obrigatório)
Introdução (obrigatório)
Desenvolvimento (obrigatório)
Conclusão (obrigatório)
Referências (obrigatório)
Glossário (opcional)
Apêndice (opcional)

2 - Informações obrigatórias na capa
As informações obrigatórias na capa da monografia são: nome da instituição, nome do curso, nome do autor, título do trabalho, subtítulo (se houver), cidade e ano.

Além disso, a formatação deve seguir as regras padrões:

Fonte Arial ou New Times Roman;
Fonte com tamanho 12;
Texto em caixa alta (letra maiúscula);
Centralizado;
Espaçamento simples entre linhas;
Título do trabalho em negrito (apenas o título, todas as outras informações devem permanecer sem negrito).

3 - Margens ABNT
Considerando que todo trabalho científico deve ser realizado em tamanho de papel A4, a margem inferior e direita deve ter 2cm de distância da borda, já a margem superior e esquerda deve ter 3cm.

4 - Paginação ABNT
Na ABNT, a capa não conta como página, ou seja, a página 1 é a folha de rosto. Porém, a paginação só deve ser inserida na primeira página da introdução, onde começa a produção textual. A páginação deve ser inserida a 2cm da margem direita da folha, no canto superior.

5 - Fontes e parágrafos
Assim como a capa da monografia, a fonte utilizada no restante do trabalho acadêmico deve ser Arial ou New Times Roman, sendo que deve ser utilizada apenas um tipo de fonte para todo o documento, no tamanho 12. Em legendas e rodapés, o tamanho indicado é o 10.

Outro detalho é o récuo da primeira linha dos parágrafos, que deve ser de 2cm. O espaçamento entre linhas indicado é de 1,5, já em citações, notas de rodapé, legendas e referências bibliográficas deve ser utilizado o espaçamento simples (1).

Lembrando que, frequentemente, essas regras são revisadas e atualizadas por uma comissão técnica. Por isso, é importante ficar atento a possíveis mudanças e adaptá-las à formatação da sua produção acadêmica.

Dica bônus: configure seu editor de texto
Para garantir que você não perca muito tempo na edição das normas da ABNT, uma dica é configurar o seu editor de texto com as regras padrões como, por exemplo, margens da página, fonte, paginação e tamanho da fonte, antes de começar a produzir o texto.

Assim, ao terminar a monografia ou artigo, o foco da edição será em outros detalhes que precisam ser padronizados manualmente.

Fonte: Revista QB