fbpx

Sidebar

20
Sex, Maio

MEC atinge novas metas para implementação do Novo Ensino Médio

Notícias EAD

O implemento nas metas resultará no desembolso de 30 milhões de dólares para o Tesouro Nacional

O implemento nas metas resultará no desembolso de 30 milhões de dólares para o Tesouro Nacional

OMinistério da Educação (MEC) cumpriu mais três metas vinculadas às ações de implementação do Novo Ensino Médio (NEM). O cumprimento dessas metas veio por intermédio da Secretaria de Educação Básica (SEB), no âmbito do Acordo de Empréstimo firmado entre o Governo Federal e o Banco Mundial. Com o alcance das metas, o Banco Mundial desembolsará U$ 30 milhões para o Tesouro Nacional nas próximas semanas.

Conheça o ExpertEAD e tire seu curso do papel

As metas tratam do número de estados com escolas-pilotos de implementação do NEM e de medidas implementadas pelo MEC para responder à crise da Covid-19. Os resultados atingidos foram de 22 entes federados que cumpriram os requisitos previstos na Portaria nº 649/2018, e diversas ações e medidas em resposta à pandemia no setor de educação, entre elas o painel de monitoramento da educação básica no contexto da pandemia.

A implementação do Novo Ensino Médio conta com o apoio do Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (BIRD), por meio do Projeto de Apoio à Implementação do Novo Ensino Médio. O Projeto é multissetorial e abrange as 27 Unidades Federativas e o Ministério da Educação, por meio da Secretaria de Educação Básica (SEB).

Sobre o Novo Ensino Médio

O Novo Ensino Médio amplia a carga horária mínima de 2,4 mil para 3 mil horas. Isso significa mais tempo de ensino para professores e estudantes. Além disso, o Governo Federal vem investindo recursos para a ampliação das matrículas em tempo integral.

Conheça o ExpertEAD e tire seu curso do papel

Outro ponto é a oferta de diferentes itinerários formativos no Novo Ensino Médio, o que possibilitará a escolha das trilhas de aprofundamento e eletivas pelos estudantes. Isso permitirá a ampliação de conhecimentos em uma das áreas do conhecimento, como Linguagens, Matemática, Ciências da Natureza ou Ciências Humanas e Sociais, ou até em uma formação técnica e profissional, que poderá ser ofertada pela escola.

Com a aprovação da Base Nacional Comum Curricular do Ensino Médio, os novos Referenciais Curriculares elaborados nas 27 Unidades Federativas, assim como a formação de professores, os recursos e materiais didáticos e as matrizes das avaliações do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) e do Enem, estarão alinhados às competências e habilidades estabelecidas para cada uma das áreas do conhecimento na BNCC, possibilitando uma formação sólida a todos os estudantes.

Para mais informações, acesse o site Novo Ensino Médio e seu painel.

Assessoria de Comunicação Social do MEC com informações da SEB

Fonte: Ministério da Educação

Conheça o ExpertEAD e tire seu curso do papel